Associação para a Valorização Ambiental da Alta de Lisboa (AVAal)

Ateliê de Hortas Portáteis

A AVAal realizou a 29 de Janeiro de 2011 dois ateliês de Hortas Portáteis, um de manhã e outro de tarde, tendo ambos lotação esgotada, com 30 formandos (15 por sessão) e 6 formadores, sócios voluntários da AVAal. Esta actividade foi produzida na sede da associação.

O objectivo destes ateliês foi criar uma horta portátil por cada inscrito, para usufruto próprio, disponibilizando o material necessário para o efeito, implementando os conhecimentos adquiridos ao longo do curso, com apoio dos membros da AVAal. Este ateliê foi divulgado aos inscritos dos cursos realizados anteriormente e também com inscrições abertas a pessoas que não tenham tido a oportunidade de participar anteriormente e demonstrem interesse nestas iniciativas.

Esta actividade é um contributo para o fortalecimento da gestão da economia doméstica e familiar, dando a possibilidade de produzir em casa pequenas quantidades de produtos hortícolas.

O programa dos ateliês contava com uma parte teórica e uma prática. A parte teórica foi apresentada pelo Arq.º Paisagista Jorge Cancela, com a amostragem de vários exemplos e documentação sobre as princípais informações que os formandos necessitavam para cuidar da sua horta em casa. Este momento foi muito contrutivo, também pela partilha de histórias e conhecimentos entre os participantes.

Na parte prática foi aplicada a aprendizagem da parte anterior. Havia 6 espécies hortícolas para plantar (alface, tomate, couve portuguesa, cebolinho e alho) e uma para semear (salsa). Cada mesa tinha quatro formandos e um formador, e todo o material necessário. Inicialmente foi colocado em cada floreira leca para ajudar a infiltração da água na hora de regar, posteriormente cada floreira foi cheia com terra e explicado ao mesmo tempo os componentes e qualidades que a terra para este tipo de plantas deveria ter. Após esta fase foram plantadas uma a uma todas as espécies e por ordem correcta, consoante as suas compatibilidades.

A rega que se seguiu foi efectuada com a ajuda de um regador reciclado, através de um pacote de leite.

Sustentabilidade da Actividade

É importante referir a sustentabilidade destas actividades. Através da formação em Hortas Portáteis realizadas com um formador da AGROBIO, os formandos conseguiram adquirir aptidões suficientes para serem formadores das nossas actividades realizadas posteriormente. Tal acontece nos Ateliês de Hortas Portáteis onde os formadores na parte prática desta iniciativa, eram ex-formandos do primeiro curso de Hortas Biológicas em Vasos e Varandas. Este tipo de situação aumenta a continuidade e replicação deste tipo de acções.

Passado um mês desta actividade acontecer voltámos a entrar em contacto com todos os formandos para perguntar: “Como estão as vossas hortas?”

Recebemos alguma informação, fotografias e questões sobre a manutenção das hortas. (Informação disponivel brevemente)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: